Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

UNIDOS POR ALFENA "QUE FALEM AGORA OU SE CALEM PARA SEMPRE"...

Desde há algum tempo a esta parte, que ando a pensar em abrir um pequeno parêntesis nesta minha CAUSA  - que a certa altura do processo assumiu um cariz algo panfletário mas nem por isso menos rigoroso - para fazer uma reflexão mais serena e  que me apetece partilhar com os mais de mil e setecentos visitantes da minha "TERRA" só durante o mês de Setembro, relativamente ao que se passa no interior do "núcleo de poder" da nossa Junta de Freguesia de Alfena.

Que a situação é grave, sei-o eu e sabem-no muitos Alfenenses também. Que os "UNIDOS" não são já de facto e neste momento, um projecto unitário e consensual, também já muita gente percebeu - basta reflectir por exemplo no que se passou na última Assembleia de Freguesia, no passado dia 30 de Setembro, para termos a exacta noção do "saco de gatos" em que esse projecto se transformou!

Senão, ponderemos:

Depois de eu ter andado a escrever neste espaço o que tenho escrito sobre o "núcleo duro" dos UPA e de o ter reafirmado na Assembleia, de "olhos nos olhos",  ao actual presidente da Junta - basicamente, disse-lhe com toda a frontalidade  "aquilo que Maomé não disse do toucinho" -  é estranho que só o Dr. Palhau, extrapolando aliás as próprias funções de presidente da Mesa, tenha saído em sua defesa...

Estranhos os silêncios no grupo dos Deputados, que foram "capazes" de assistir sem reacção aos "ataques" ao chefe.

Estranha a reacção dos membros da Mesa e do Executivo perante este episódio algo caricato protagonizado por um elemento do público - apoiante do Dr. Arnaldo:

"...nós assinamos as listas com o Dr. Arnaldo para presidente da Junta, porque tem trabalhado bem, sabe ouvir as pessoas, tem humildade. Agora vai para Valongo e deixa-nos a presidente este arrogante?" - dirigia-se obviamente ao interventivo Dr. Palhau...

Estranha também a postura algo cabisbaixa dos outros dois elementos do Executivo presentes, que em nenhum momento usaram da palavra para rebater com opinião própria as críticas ao seu projecto e ao compadrio que grassa no interior da Junta.

Por isso, talvez tenha chegado a altura de, uma vez por todas, todos aqueles que estão na "fotografia de família" e que neste momento deixam claramente transparecer que já não se sentem confortáveis com a "camisola" que lhes enfiaram, o dizerem de forma clara e inequívoca!

Quem chegar à "boca das Urnas" em silêncio já não pode apenas ser acusado de cumplicidade por omissão! Será cúmplice de corpo inteiro!

Esta (já) não é uma altura para silêncios!

Parafraseando o padre na altura do enlace dos noivos "Se alguém tem algo a dizer, que fale agora ou se cale para sempre!"


Post-Scriptum: Será que os muitos Alfenenses que subscreveram a Lista de Candidatura em que o Dr. Arnaldo "ainda" estava na lista dos UPA, já se interrogaram sobre:

a) Como é que alguém tem a desfaçatez de "por cima das assinaturas" dos cidadãos mudar os candidatos subscritos?

b) Como é que a mesma figura (Dr. Arnaldo) pode "enfeitar" dois ramalhetes, perdão, duas Candidaturas, diferentes - Freguesia de Alfena e Câmara de Valongo?

"Aqui d'el Rei" Comissão Nacional de Eleições, Tribunais!

(Chamo a atenção para o "rodapé da fotografia...)

publicado às 11:25

20 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D