Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

ESPÉCIES AUTÓCTONES DE ALFENA - AS "LONTRAS DORMINHOCAS"...

Vou ficar seguramente com um pequenino problema de consciência depois de escrever este post, dado que ao fazê-lo, vou provocar algum movimento nas águas paradas do tanque das lontras onde a ausência de movimento é a regra: Pertencem a uma subespécie hibernante que não gosta de ser incomodada no seu repouso...

Mas tem de ser. O carnaval já lá vai, Fevereiro já passou da metade e não tarda nada, temos aí a Primavera, pelo que é melhor que iniciem desde já a “des-hibernação” – antes que chegue o próximo acto eleitoral e os encontre todos (ainda) a comemorar a maioria absoluta.

Costuma ser considerada uma frase de circunstância dizer-se (a seguir a uma vitória eleitoral) que  “agora vamos todos trabalhar para o bem comum, esquecendo as rivalidades do processo eleitoral”, mas às vezes, as frases de circunstância viram – o que é positivo – verdadeira e concreta forma de actuação.

Alfena, após a expressiva vitória por maioria absoluta que deu ao projecto UPA, merecia de facto que os eleitos tivessem a dimensão humana e institucional capaz de os fazer ir além da tal frase de circunstância, transformando-a em forma concreta de congregar os alfenenses.

Merecia...

Mas como em tudo na vida, nem sempre se tem o que se merece e às vezes, o que é bem pior, até se tem o que não se merece!

É claro que alguns dos incondicionais defensores dos “ungidos” vão dizendo coisas do género (...) "assuntos esses que na maior parte das vezes ainda estão a ser estudados, por pessoas entendidas nas diversas matérias e sempre para o bem dos Alfenenses” (...) e que por isso, aqueles que consideram que está tudo parado, não têm razão. Mas a verdade é que já andam há tanto tempo a dizê-lo que começamos a desconfiar que gravaram a frase para nos irem entretendo enquanto eles dormem regaladamente à sombra dos louros.

Como estamos em maré de frases feitas, aqui vai uma minha:  “Gostava de estar enganado e chegar um dia destes à conclusão de que (afinal) têm andado a trabalhar intensamente em prole de Alfena”.

É também uma frase de circunstância bem conhecida, só que neste caso, quero ir (de facto) além da mesma e declarar que gostava de estar enganado!


Post-Scriptum: E para que não digam que nunca sugiro nada, porque não recuperam a ideia do "Fórum" de debate que já funcionou noutras alturas, com regras definidas - entre as quais, a recusa do insulto e a obrigação de uma identificação clara dos que a ele acedam -  moderado por alguém de entre os eleitos que seja de facto também um moderado - esperemos que exista - e onde seja possivel o debate de ideias e projectos para Alfena.

publicado às 17:57

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D