Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

AS LONTRAS FALANTES DE ALFENA...

 

Lá diz o Povo com toda a propriedade: "Quem tem cu tem medo" e ESTES têm-no (ao medo) tão exacerbado que nem perante os seus conterrâneos mais próximos abrem uma excepçãozinha para se mostrarem de corpo inteiro e dizerem por exemplo: "as lontras de Alfena somos nós. Olhem para os nossos focinhos molhados e para o nosso lombo luzidio, tirem-nos fotografias, atirem-nos um peixito, gostem de nós, please!"

Mas como mamíferos que são, têm a tal condicionante do "ponto fraco" no fundo das costas, pelo que à cautela, preferem a segurança da penumbra - até porque quem rouba COISA ALHEIA não se sente confortável com a claridade excessiva.

Pobres criaturas, que não conseguem expressar-se de outra forma que não o boçal insulto, que não conseguem dar mais de si próprios que não seja um esporádico "arroto" de prosa "mal enjambrada" com que pretendem atingir (ou ofender) quem se limita a dizer até que a voz lhe doa que "o rei vai nu" e que Alfena (e Valongo pelas mesmas razões) está a saque.

Esquecem-se de um "pequenino" detalhe: Não ofende quem quer, mas quem pode e os esporádicos arrotos que vão soltando de quando em vez podem incomodar pelo odor pestilento que libertam, mas não chegam a ofender...


 

PS (de post-scriptum ) - Para quem apenas agora contacta com esta conversa sobre "lontras falantes" convém referir que estes exemplares exóticos que escolheram Alfena como seu habitat, são clones mal conseguidos da manipulação genética irresponsável - sob a forma de blog - de uma espécie genuína (outro Blog) que deu o seu contributo válido e empenhado por alturas da campanha eleitoral e que tem o nome de alfenaparatodos.

Pois estes rasteiros não conseguiram ir mais longe, na sua tacanhez, do que fazer isto: alfena_para_todos, conforme pode ser confirmado pelos links acima indicados...

publicado às 20:46

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D