Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

CONCENTRAÇÃO MOTARD DE ALFENA

Alfena vai receber a 3.ª Concentração do Motoclube de Alfena, entre os dias 14 e 16 de Maio. Música, exibições, exposição tuning, largadas de touros e uma feira motard destacam-se do programa.

A terceira edição da sempre bem sucedida concentração anual do Motoclube de Alfena – que decorre no campo de treinos do Atlético Clube Alfenense (Rua da Argila) – arranca às 18h00 do dia 14, com a abertura das inscrições, uma feira motard e uma exibição tuning.

Depois do jantar, entram em cena Humberto Ribeiro e Henrique Alves, que vão protagonizar uma demonstração freestyle. O primeiro dia do evento fecha com música ao vivo.

No sábado, a concentração é retomada com jogos tradicionais, a 1.ª Largada de Touros e o espectáculo Bike Wash. À noite, a partir das 21h00, o programa promete o Passeio das Tochas e a 2.ª Largada de Touros, antes dos n.E.I.M subirem ao palco.

O último dia começa às 10h00, com um passeio pela vila. Depois do almoço, procede-se à entrega de lembranças, com o convite feito para o regresso: a 4.ª Concentração Motard está já marcada.

Este evento é organizado pelo Motoclube de Alfena, que conta com os apoios da Junta de Freguesia, da Câmara Municipal de Valongo, da GNR de Alfena, dos Bombeiros Voluntários de Ermesinde, Atlético Clube Alfenense e do Agrupamento de Escuteiros de Alfena.


Os eventos que de uma forma ou outra possam contribuir para a promoção da nossa terra, são sempre de louvar e à partida, este não deve fugir à regra.

Esperemos - espero eu que não gosto de espectáculos que girem em torno da tortura de animais - que a "largada de touros" referida no programa, não se aproxime sequer dessas deprimentes imitações das bárbaras e primárias touradas de que apesar de todos os avanços civilizacionais, tantos portugueses continuam estranhamente a gostar!

publicado às 13:48

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D