Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

RATOS AMESTRADOS...

Cumpriram-se há dias 30 anos sobre o atentado - eu sou dos que pensam que se tratou disso mesmo, um atentado - contra o primeiro ministro de Portugal, Francisco Sá Carneiro e o seu ministro da Defesa Adelino Amaro da Costa.

A notícia a que se refere o recorte, para além do desconforto que seguramente provocará ao Eng.º Sócrates, menciona também curiosos e preocupantes "pontos de contacto" com a história do atentado.

Vale a pena lê-la na íntegra no El País, para ficar a perceber essencialmente duas coisas:

A primeira, é que negócios e política sempre foram, são e continuarão a ser por muitos anos, inseparáveis.

A segunda, é que estão redondamente equivocados, aqueles que pensam que a grande espionagem, a busca incessante por parte das grandes potências, de "detalhes" sobre actividades sensíveis dos seus inimigos nos vários domínios, assentam exclusivamente em estruturas de tipo militar, paramilitar ou de pura inteligência. Às vezes, basta-lhes infiltrar no reduto do inimigo um simples rato, que depois de "roer as peúgas" a tudo que seja líder político, regresse ao ponto de partida. Aí, bastará uma "análise laboratorial" detalhada, para se descobrir quantas vezes o primeiro ministro do Irão - por exemplo - lavou os pés numa semana, ou se sofre de pé de atleta.

Parece que foi exactamente  esse papel que Santos Ferreira, Presidente do Millennium BCP foi oferecer à Embaixada dos Estados Unidos em Lisboa - com conhecimento de José Sócrates - o de um rato amestrado. Ao que parece, não foi necessário - talvez porque os Estados Unidos já tivessem "ratos" de sobra...

publicado às 21:59

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D