Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

ALFENA - DUAS "EPOCAS" EM CONFRONTO...

Volto à "antena" para lembrar aos internautas locais a Assembleia de Freguesia de amanhã.

Não se trata aqui de fazer nenhuma mobilização patriótica das "tropas da luz" contra o "exército das trevas" - as primeiras, já equipadas com meios da era actual, as últimas, porque (ainda) em pleno "período palhaulítico" apenas apetrechadas com pequenas placas de xisto onde vão apontando, com o recurso a fragmentos do mesmo material tão característico da nossa região, as contas do exercício e as previsões para o futuro - que todos torcemos para que seja muito em breve, já passado...

Fica mais uma vez claro, que sendo embora Alfena um pequeno território encostado àquela cidade que muitos portugueses consideram a verdadeira Capital do País (do trabalho pelo menos, é-o seguramente) - o Puorto carago! - conseguimos mesmo assim abarcar duas épocas tão distintas e tão distantes como as referidas.

A nossa, caracteriza-se maioritariamente pela existência de uma sociedade com regras, códigos de conduta, respeito pelos direitos dos outros - sobretudo se os outros fazem parte de uma qualquer minoria...

A outra, ainda não saiu do tal "período palhaulítico" ou da pedra lascada e orienta-se por códigos muito rudimentares, e regras de conduta muito minimalistas, onde não existem líderes mas "machos dominantes", onde quem discorda, não é adversário mas inimigo e onde as contendas se resolvem sempre "à paulada" ou com "flechas envenenadas".

É neste contexto - de choque entre estas duas épocas tão distintas e tão distantes - que decorrerá a Sessão de amanhã.

E que bom seria se o Criador, num gesto magnânimo e bem adequado a este tempo de Natal (para as "tropas da Luz") nos fizesse uma pequena concessão e nos deixasse - desta vez - construir no nosso Centro Cultural a tal "torre de Babel" a partir da qual, falando a mesma lingua conseguíssemos aceder àquela informação que (por enquanto) está apenas ao alcance de um certo "deus menor"... Mas também, quem é que "nesta altura do campeonato", ainda acredita em milagres?

publicado às 23:04

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D