Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

TERÁ ALFENA UM REGIME LEGAL ESPECÍFICO?

Take 1:

Quem costuma assistir às reuniões públicas da Junta de Freguesia de Alfena, recordar-se-á das "informações" várias vezes avançadas pelo seu Presidente acerca da sua participação nas reuniões do Grupo de acompanhamento - não sei se é assim a designação - da revisão do PDM de Valongo.

Acontece que o nosso Presidente, apesar de se arvorar em especialista em Leis, não raras vezes acontece fugir-lhe o pé para o chinelo , sendo que neste caso, o chinelo o coloca ao nível do homem comum - que ele não quer ser mas é - e que normalmente percebe muito pouco - nem tem obrigação de perceber - sobre as minudências do emaranhado das nossas Leis.

Se assim não fosse, teria lido com atenção a parte que diz respeito às competências da Junta e às dele próprio, onde está claro que a participação nos trabalhos de revisão do PDM, não são delegáveis pela Junta!

Alguém o alertou para a irregularidade e então ele ontem, lá tentou reescrever tudo o que tem dito sobre o assunto, da seguinte forma - mais vírgula menos vírgula:

"A propósito das reuniões do PDM, quero aqui esclarecer que houve apenas uma em que não participei apenas eu mas sim toda a Junta. Para além disso, participei em algumas reuniões informais apenas por inerência de membro da Assembleia Municipal".

Registamos a sua  preocupação com a possibilidade de vir a ser acusado de exercício abusivo de funções que a Junta não podia delegar. Claro que também sabe que todos os trabalhos à volta do PDM ficam registados em Acta...

 

Take 2:

Por diversas vezes tem dito o nosso digníssimo presidente, que o acesso às Actas das reuniões do Executivo é um direito e que nem sequer se exige a ninguém que faça um Requerimento escrito para ter acesso às mesmas. Basta pedi-las e se estiverem aprovadas, os Funcionários só têm é que as facultar.

Numa das últimas reuniões públicas - não na de ontem, mas numa outra - até informou que "esta Acta já irá ser publicada na nossa página da Internet"...

Pois pasmem os alfenenses: Não é que requeri a Acta da reunião pública de 13 de Outubro de 2010 - após a sua aprovação na reunião de Novembro - já me desloquei à Junta por 3 vezes, já falei pessoalmente com ele, que até me mostrou a dita Acta com umas quantas frases rasuradas e que teriam que ser reformuladas - apesar de já ter sido aprovada e estar devidamente assinada! - e a única coisa que sei, é  que "logo que esteja pronta telefonamos-lhe para a vir levantar"!

E quanto à publicação das mesmas, experimentem a página da Junta e verão que o único que cumpriu com a palavra, foi o Presidente da Assembleia de Freguesia que já tem uma Acta publicada.

Parafraseando aquele anúncio engraçado, eu ainda sou do tempo em que a palavra dada tinha um valor tangível... Agora parece que já não é assim, porque caso contrário, aquilo que o Dr. Rogério Palhau me disse junto ao balcão da Junta quando me mostrou há quase dois meses atrás, numa sexta feira à tarde, a tal versão aprovada mas rasurada - "pode procurá-la na segunda feira, porque estas correcções ficarão feitas este fim de semana, nem que tenha que ser eu a fazê-lo" - teria sido cumprido!

 

Take 3:

Continuando com o tal exemplo do pé e do chinelo, o nosso Presidente continua a laborar num enorme erro de interpretação sobre as prorrogativas de uma maioria absoluta em Democracia e a esquecer-se de que existe um Estatuto do Direito da Oposição, que existe a obrigatoriedade da consulta prévia dos eleitos sobre os documentos provisionais e que para além de tudo isso, a Lei impõe prazos para a convocação das Sessões da Assembleia.

Além do mais, parece que na sua curiosa interpretação das Leis, o direito dos membros da Assembleia a solicitarem "em qualquer momento e sobre qualquer assunto" informações à Mesa passou a ser passível de votação e como a maioria o permite a ser chumbado!

Claro que já está a aperceber-se de que os vários atropelos cometidos na última Assembleia de Freguesia não vão ficar pelas simples palavras de protesto, pelo que o mais certo é que invoque a "inexperiência" do Presidente deste Órgão para "justificar" os mesmos...

Mas nós sabemos que a "assessoria técnica" foi prestada por ele, à vista de todos, em cima do palco, durante a interrupção que solcitaram para deliberar sobre o assunto!


publicado às 01:34

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D