Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

EU NÃO SOU TIO DO PRIMEIRO-MINISTRO!

Claro que José Sócrates não tem nada a ver com os negócios da família!

Até porque a família não se escolhe e José Sócrates não tem culpa da que lhe calhou em sorte...

Claro que apesar do "mau nome" da mesma, José Sócrates tem (continua a ter) direito ao seu bom nome!

(E ai de quem tente pôr "aspas" no bom nome!)

Mas eu também tenho esse direito (ao bom nome!)

Por isso aqui quero declarar publicamente:

 

1. Não tenho, não tive e (provavelmente) nunca virei a ter nenhuma conta sediada em offshores.

2. Apesar me chamar Celestino, não sou Tio de José Sócrates.

3. Aliás, mesmo que o fosse, não poderia ser criticado por isso: Como já atrás o disse "não temos culpa da família que nos calha em sorte".

4 (e último). O meu Apelido é Neves e não Monteiro.

 

(E aqui chegados, julgo que tudo fica mais do que esclarecido)

 


publicado às 22:50

AI ESTE ALEMÃO PASTOR!...

Ontem deixei aqui a minha revolta como católico - "não muito alinhado” – pelo triste contributo que o Papa está a prestar à Humanidade que sofre os horrores da epidemia galopante dos nossos tempos -  a SIDA (AIDS).

Ainda por cima, tinha logo que desatinar sobre o "uso do preservativo" a  caminho da República dos Camarões e de um Continente que é dos mais martirizados pelo flagelo da doença... Podia ter começado por falar da fome, dos direitos humanos (neste caso, da falta deles) podia até ter feito uma alusão (ainda que diplomaticamente cuidadosa) ao papel do ditador que o recebeu horas depois e se sentou em lugar de destaque nas celebrações, ao lado de uma “primeira dama” de figura e porte patéticos e que governam aquele País com mão de ferro.

Mas não foi essa a linha de rumo que escolheu – como seguramente não será, quando iniciar a segunda etapa da visita, em Angola!

Também nesse grande País que nos toca especialmente no coração, não lhe faltarão motivos diferentes dos que vai escolher para se dirigir aos católicos: corrupção nepotismo exploração de todo um Povo por parte de uma restrita clique, atropelo aos mais elementares direitos da maioria dos seus cidadãos…

Será que também em Angola, vai fazer passar uma vez mais, todos os católicos pela vergonha de terem um perfeito demente intelectual como Pastor máximo da sua Igreja?

Como acontece com muitos outros dirigentes mundiais, também a ele não lhe falta “coragem” para afrontar os mais fracos - neste caso,  os que sofrem o flagelo da SIDA, ameaçando-os com o “fogo do inferno” se não se submeterem à inevitabilidade do sofrimento provocado pela doença para se redimirem do pecado - estão proibidos pela Lei católica, de tentar fugir a essa inevitabilidade!

Quando escuto determinadas “bacoradas”, apetece-me dizer que melhor seria ter posto um “pastor alemão” na frente dos camaroneses: ao menos (porque não fala) não correriamos o risco de que pudesse dizer asneiras susceptíveis de pôr em causa o trabalho levado a cabo por tantas Organizações não Governamentais (algumas ligadas à própria Igreja) que naquele Continente tentam contribuir para controlar os números avassaladores da doença!

Mas não! Tinha logo de ser o Alemão Pastor a encarregar-se da tarefa de tentar estragar tudo…

 

publicado às 22:26

INSANIDADES -II...

 

Bento XVI diz que preservativos agravam combate à sida

É por estas e por outras, que a Igreja Católica está no estado em que está! Se em vez de campanhas imbecis que nem a nível de sectores importantes da própria Igreja conseguem acolhimento (já para não falar no papel ridículo em que se coloca perante a classe médica e científica de todo o mundo) ele dirigisse a sua atenção e as suas energias contra os verdadeiros cancros que corroem por dentro a própria Igreja - os abusos sexuais de menores por parte de elementos do clero (na América e não só), que têm obrigado a Hierarquia a pagar milhões de Dólares em indemnizações ao longo dos últimos anos, contra as acções de verdadeira demência como a do Arcebispo brasileiro que considera mais grave o "pecado" dos médicos e enfermeiros que praticaram o aborto sanitário numa criança de 9 anos, grávida de gémeos por ter sido violada pelo padrasto, do que o pecado do próprio padrasto violador - se ele fizesse isso, provavelmente existiriam mais católicos e mais participação dos mesmos, na vida da Igreja Católica!

Mas enfim... Hoje em dia, só entra no "rebanho" quem quer e mesmo estando no dito,podemos sempre recusar-nos a ser vulgares "carneiros"

É o que eu faço - a bem da minha saúde mental!

publicado às 19:16

PONTAPÉ NO EGO...

Pois é…

Por mais precavido que sempre procure estar,  por mais que tente antecipar os imponderáveis e por mais velha e conhecida que seja a rábula em que se baseia o episódio que se segue, nem por isso deixei de cair na “esparrela”:

Passeio agradável com a Tucha (a minha caniche mini) agora alcandorada - após a morte da nossa outra "menina querida", a Lara - ao estatuto de "filha única" da família... para estrear a trela extensível nova, comprada pelos donos. A certa altura, vejo o trio das teenagers surgir na curva do passeio, pasta dos cadernos escolares apertada entre a mão esquerda e a respectiva mamita direita, telemóvel na outra mão, “engatilhado” para o próximo SMS…

Pelo olhar da que aparentava ser a líder do grupo, antecipo mentalmente a provocação que se seguirá – só não adivinho os contornos da mesma…

- Que lindo cãozinho!”

- É “cãozinha” – rectifico eu tentando fazer humor.

- Ah! - solta a líder do trio avançando (aparentemente receosa)a mão do telemóvel para uma festinha. Morde? - pergunta levantando os olhos para mim

- Claro! Respondo eu  cá “do alto” dos meus 60 anos de experiência de vida, com o sorriso trocista adequado à situação.

- Que pena! E a cadelinha, também? 

Dito o que, aceleram o passo por entre sonoras e cristalinas gargalhadas de puro divertimento!

Travo às seis "rodas"(as minhas e as da Tucha)e fico a vê-las afastarem-se  - correndo talvez o risco de dar a ideia de  ter ficado  de "boca aberta" com o juvenil bambolear  das ancas das "piquenas"! Mas não... Fico apenas a  remoer o pontapé no ego que as "pitas" acabam de me infligir… Como é que me pôde acontecer uma coisa destas? – Logo a mim que até já conhecia a anedota...

 

publicado às 14:17

LIGA O TELEMÓVEL JÁ!

 

Por estas e por outras, é que não se deve permitir o uso do telemóvel nas salas de aulas...

Estas (as salas) não devem ser locais de suplício para os nossos alunos, mas também ninguém disse que se deviam transformar em locais de "prazeres" exacerbados!

Eheheh!

publicado às 13:53

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D