Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

CORRUPÇÃO EM VALONGO - 'TAKE' NÃO SEI QUANTOS...

Captura de ecrã 2020-08-01, às 13.48.48.png

Foi notícia esta semana a dedução de acusação contra o ex-deputado Agostinho Branquinho, actual administrador executivo do Hospital da Prelada,  Fernando Melo, ex-presidente da Câmara de Valongo, Carlos Teixeira - que foi comandante dos Bombeiros de Ermesinde e onde foi acusado de assédio a uma Bombeira - escrevi sobe isso também AQUI - e Maria Trindade Vale, seus vereadores à altura dos factos, o Arq.º Vítor Sá - escrevi sobre ele e a sua condenação a uma pena suspensa AQUI - um engenheiro e outros.

A acusação menciona actos de prevaricação, falsificação de documentos e outros ilícitos em torno da construção do Hospital privado de S. Martinho, em Campo os quais remontam ao ano de 2005 através de uma autorização ilegal da construção de 2 pisos além do projecto inicial licenciado e em clara violação das regras do PDM então em vigor.

Não estão em causa sequer os fundamentos do Ministério Público para produzir esta acusação mas fazê-lo 15 anos depois é já verdadeiramente uma 'marca identitária' da nossa Justiça.

Às vezes até parece - e este caso não foge à regra - que a nossa Justiça funciona como aqueles 'acumuladores compulsivos' que vão juntando, juntando, juntando até que a porta - neste caso a gaveta - já não abre, tal é o volume de coisas acumuladas...

Aparentemente, o nosso MP tinha a gaveta já tão cheia tão cheia de 'arquivo morto' que não lhe restava outra coisa que não fosse fazer uma 'queima' controlada, contando à partida com a 'facilitação processual' consubstanciada num mais que previsível requerimento de abertura de instrução que facilitará um definitivo e conveniente 'óbito'...

A ver vamos...

 

Captura de ecrã 2020-08-01, às 13.45.33.png

Numa estranha associação de ideias, veio-me à memória um outro processo mais ou menos com a mesma 'idade', de contornos muito parecidos e envolvendo igualmente o Dr. Fernando Melo e o seu vereador à altura, José Luis Pinto.

Tinha a ver com uma monstruosa violação do PDM, actos de prevaricação e tráfico de influências, burla, entre outros, favorecendo um fundo de investimento imobiliário ligado ao Santander, o NOVIMOVEST, na implementação de uma vasta área 'expropriada' às Reservas Ecológica e Agrícola Nacionais (REN e RAN) em Alfena.

Sucessivamente denunciados pelo Dr. Paulo Morais, pelo PCP de Valongo e posteriormente por mim, deram origem a uma long(uíssim)a investigação que foi sendo arquivada e reaberta ao longo dos anos e arquivada definitivamente arrumada há poucos meses atrás depois de uma última tentativa minha de pedir a abertura de instrução sendo premiado com uma multa de 2 UC (2x102€) por ousar incomodar o nosso MP.

 

Serei apenas eu a ver nestes dois procedimentos do MP relacionados com o mesmo fenómeno, situados no mesmo Concelho e até com actores comuns entre si, uma estranha contradição - ou como diz o nosso Povo, 'dois pesos e duas medidas'?

_____________________

Captura de ecrã 2020-08-01, às 14.38.50.png

PS:

Gostei muito de ver anunciada esta intenção do actual presidente da Câmara de Valongo - AQUI:

A Câmara de Valongo, liderada por José Manuel Ribeiro, vai constituir-se assistente e reclamar indemnização por prejuízos associados à violação do PDM.

(Lembro que ainda há poucos meses o presidente Zé Manel condecorou Fernando Melo por relevantes Serviços Públicos - AQUI )...

 

 

 

 

 

 

publicado às 10:23

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D