Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

4 DE MAIO, DIA DE... TODAS AS MÃES!

 

Se há coisas que me intrigam, uma delas é esta mania de nos querermos redimir num único dia, dos restantes 364  de omissão - dia Terra, da água, da espiga, da criança, do pai, disto, daquilo, daqueloutro - sendo que, em cada um deles, é  simultaneamente o dia de nos esquecermos de todos os outros... 

Para não fugir à regra, a sociedade de consumo determinou que amanhã deveremos comemorar o dia de todas as mães, comprando como é da praxe, o inevitável presentinho (na maior parte das vezes com o dinheiro avançado por elas próprias...) escolhido a partir do vasto leque de opções com que o lóbi da publicidade nos tem bombardeado nos últimos dias.

Sentimo-nos felizes por este ano não nos termos esquecido  ("-vês mãe, desta vez não me esqueci!" ) e mais ainda, ao vermos o sorriso rasgado com que elas acompanham o acto solene de desatar o embrulho especial feito a preceito pela jovem simpática da loja, contratada em part-time (para fazer face ao acréscimo de pedidos de embrulhos especiais que sempre acontecem nas vésperas de todos os "dias de qualquer coisa"). 

E pronto, cumprido o ritual, estamos prontos para atravessarmos de novo o deserto dos próximos 364 dias de esquecimento ou omissão, isto é, vamo-nos lembrar esporadicamente delas (das mães), quando tivermos de lhes pedir o dinheiro para o dia do pai, para os anos da mana ou do mano, da namorada ou do namorado, etc.,etc...

Nessas alturas, voltaremos a colocar o nosso melhor sorriso e a voz mais doce que conseguirmos - para que elas não se lembrem de nos perguntar: "-então e a tua mesada, já acabou?" 

Abençoada sociedade de consumo, que embora por caminhos ínvios, nos vai proporcionando a oportunidade de demonstrar de vez em quando, que não nos esquecemos de alguém ou de algum momento importantes!

 

 

 

publicado às 16:02

2 comentários

  • Imagem de perfil

    cneves 08.06.2008

    A vida é mesmo assim, feita de convenções e rotinas...
    Mais ou menos explícitas elas adquirem "quase" força de Lei, numa sociedade que assenta fundamentalmente sobre isso mesmo: um conjunto de rotinas, simbolos e convenções.
    Por mim, confesso que me esqueço inúmeras vezes de as "respeitar"...
    Obrigado mais uma vez, por "passeares" por esta TERRA sem limites - ela é o próprio limite!
    CN
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    imagem de perfil

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D