Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

SMAES de VALONGO - ALGUÉM SABE O QUE É ISSO?

Em vésperas da reunião ordinária de Câmara e na esperança de que este post venha a ser lido em tempo útil por algum dos três Vereadores do Partido Socialista, volto uma vez mais ao assunto da eleição do Conselho de Administração dos SMAES, presidido novamente - e apesar do seu último downgrade - pelo Dr. Arnaldo Soares - por proposta do executivo minoritário (!).

Não sei se o Dr. Afonso Lobão - que não participou na referida eleição popr se ter feito substituir - irá estar presente amanhã, mas mesmo que tal não aconteça, seria "enriquecedor" para todos nós, que ou ele ou qualquer dos restantes, nos explicassem a razão do seu voto em branco na última reunião e na referida eleição.

Por duas razões principais a saber:

Primeira:

O Dr. Arnaldo Soares escolheu abdicar de todos os pelouros e cargos que detinha, após lhe ter sido retirada a confiança - e o pelouro das Finanças - por parte de  Fernando Melo;

Segunda:

O que é que faz o SMAES, qual a actividade relevante em termos de interesse para os valonguenses? Para além obviamente, de servir de interface com a VEOLIA, que como todos sabemos, é um "órgão de poder" completamente autónomo", naquilo que de pior esta palavra significa, dentro do nosso Município. Aliás, a prova de que os SMAES não fazem nada, não desenvolvem qualquer actividade, não são um valor acrescentado para a Câmara, antes pelo contrário, é que de um mandato ao outro, não houve lugar à elaboração de um único relatório de uma única informação, do anúncio de uma única decisão relevante - pelo menos que tivesse vindo ao conhecimento dos Vereadores!

Explique lá então Dr.  Afonso Lobão - ou quem o substituir - a razão dos três papelinhos em branco.

 

publicado às 17:13

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D