Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

CÂMARA DE VALONGO - O SPRINT FINAL NO CAMPEONATO NOVIMOVEST/JERÓNIMO MARTINS...

Escrevi há dias AQUI neste Blog, que as expectativas da Câmara e da NOVIMOVEST, eram mesmo no sentido de poderem avançar com a plataforma Jerónimo Martins, mal a CCDR-N se pronunciasse sobre o Relatório de ponderação final da consulta pública à excepção pontual ao PDM.

A troca de correspondência que coloco abaixo, entre o nosso Vice Presidente de Câmara e a CCDR-N na pessoa da Drª. Célia Ramos, então Directora Regional dos Serviços de Ordenamento do Território - e digo 'então', porque a mesma foi recentemente substituída, por motivos que desconheço - prova a 'irritação' que os investidores sentiram ao verem que (afinal) tinham de esperar pela publicação do novo PDM.

Antes de sair, a Drª Célia Ramos ainda tentou fazer uma 'gentileza' aos reclamantes, propondo à tutela a alteração do ponto 3 da portaria 260/2011 de 1 de Agosto, que publica a nova Carta REN de Valongo - a tal 'cláusula travão' a que já nos referimos.

Mas não sei se essa gentileza terá correspondido aos seus concretos interesses e às suas não escondidas expectativas.

O processo de enriquecimento ilícito só se completará, quando parcela a parcela, todo o espaço designado por 'aeroporto internacional de Alfena' for devidamente rentabilizado - quer através de venda, quer através de concessão.

Veja-se então como a nossa Câmara tenta mover 'Céu e Terra' - e não sei se a própria Drª. Célia Ramos, por eventualmente no seu pedido à tutela, não ter ido tão longe como a Câmara e os investidores pretendiam - para que a NOVOMOVEST rentabilize o investimento que ali tem empatado.

 

PS: O processo inclui mais documentos, os quais a seu tempo serão aqui referidos, e  que provam as pressões a que alguns dirigentes ligados ao Ordenamento do Território são submetidos e como às vezes sucumbem perante a força dos 'lobbies'.


publicado às 11:42

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D