Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

HOSPITAL PRIVADO DE ALFENA - FALAR VERDADE...

Porque a verdade não pode ser manipulada conforme os dotes de prestidigitação que quem quer, nem que seja do Dr. Rogério Palhau.

Manipular aqui tem o claro significado de falsificar termo que assume especial relevo por ele ser um 'homem de leis' - expusemos hoje mesmo e mais uma vez a situação à ARS-Norte sobre este assunto.

A Coragem de Mudar - Alfena irá ainda proceder a uma análise detalhada das declarações do presidente de Junta de Alfena prestadas ao Jornal Verdadeiro Olhar e em face das mesmas, reserva-se o direito de agir legalmente contra o detentor de um cargo público que extravasando os seus direitos e competências, se permite por em causa o bom nome da Associação a que pertenço veiculando mentiras numa clara acção promocional encapotada a uma Instituição que já provou ter começado muito mal a 'servir' Alfena.

Porque como já escrevi num outro artigo VERDADE existe apenas uma e essa é a que temos dito e escrito - o H.P.A. não está licenciado!

Aliás, fica aqui o público desafio ao Dr. Rogério Palhau para exibir - aqui se quiser, ou noutro espaço de que goste mais - a cópia do despacho de licenciamento a que se refere, por parte da E.P.L.C./ARS-Norte


(Contacto por e-mail com o Conselho Directivo da ARS-Norte - hoje)

 

V/ ofício n.º 006537 de 29-02-2012 - assinado pelo vogal do Conselho Directivo, Dr. Rui Cernadas
Ref.ª EPLC

Boa tarde,
No seguimento da conversa telefónica de há pouco, passo a expor a nossa pretensão:

1. Em conversa (telefónica) com a Drª Graça Azevedo - hoje ao final da manhã expusemos a nossa estranheza pelo facto de    não termos qualquer informação desde a data acima referida;

2. Mencionamos dois factos relevantes que colocam em causa a honorabilidade da Associação Coragem de Mudar - núcleo de Alfena:

    a) No passado dia 22 de Junho, à margem de uma cerimónia comemorativa do primeiro aniversário de Alfena à categoria de Cidade, o presidente da Junta de Freguesia afirmou na nossa presença e perante dois membros da Comissão política Concelhia do Partido Socialista (um deles o seu líder), que era falso que o HPA não estivesse licenciado - logo a Coragem de Mudar estaria a  mentir;

    b) Mais grave do que esta afirmação, foi em entrevista entretanto concedida ao Jornal Verdadeiro Olhar e publicada na edição da semana passada, o presidente do executivo alfenense ter mantido a acusação de estarmos empenhados numa pretensa campanha visando prejudicar o HPA;

3. Porque não é disso que se trata, mas apenas de uma preocupação justificável da nossa parte visando o respeito pelos normativos legais, não podemos continuar à espera indefinidamente, de uma resposta - que pode resumir-se apenas ao actual ponto de situação sobre o processo em curso - sob pena de correrem o risco de passarem por verdadeiras as acusações que nos são feitas;

4. Acrescendo a tudo isto, ficou no ar hoje de manhã uma afirmação da Dr.ª Graça Azevedo, de que "até pode dar-se o caso de o licenciamento já estar concluído e não vos ter ainda sido remetida a informação".
Esta parte, nós nem sequer queremos equacioná-la, dada a gravidade que isso comportaria em termos de procedimento da EPLC, por nos colocar inevitavelmente sem o sermos, no papel de 'mentirosos';

Concluindo:

O que este Grupo pretende, é um documento formal da ARS-Norte (ou EPLC) que nos dê conta do ponto de situação. Não discutimos nem discutiremos razões para a demora no processo de licenciamento. Aquilo que pretendemos é provar que não enganamos os alfenenses - e não só - quando afirmamos que o HPA não está licenciado!
A ausência em tempo útil - e isso seria hoje ainda - desta resposta, obrigar-nos-á a agir legalmente contra entidades e pessoas particulares que por acção ou omissão provocam dano no nosso bom nome e ainda a remeter todo assunto para o Ministério da Saúde, juntando o PDF da entrevista referida , onde esse bom nome é beliscado.

Com os melhores cumprimentos,
Celestino Neves

publicado às 18:10

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D