Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A CRISE TOCA A TODOS (EXCEPTO AOS GOVERNANTES, AMIGOS & C.IA)...

Acabei de ler um comentário de um colega de Direcção da Coragem de Mudar na nossa página do Facebook:

 

"A Presidência da República não presta contas aos cidadãos.
Os contratos que celebra não estão publicados no portal BASE, embora tal seja um procedimento obrigatório. O ÚNICO orgão de soberania que é eleito nominalmente pelos portugueses recusa-se a assumir um dos seus deveres mais elementares: dar contas aos cidadãos pela forma como gasta os pesadíssimos impostos que todos suportamos. É inadmissível tal desrespeito pelo cidadão.
Impõe-se uma avassaladora onda de indignação popular!
Tenha vergonha, Sr. Presidente!

José Bandeira"

 

A minha primeira reacção através do comentário que publiquei depois do 'Gosto', foi:

"Deixe de ter falta de vergonha Sr. Presidente!".

 

Depois pensei melhor e o que eu acho mesmo, é que os muitos que andam para aí a reclamar o fim da República, são capazes de ter alguma razão - alguma, faço questão de vincar!

 

Desde logo, nada do regresso ao 'forrobodó' monárquico que por aí vemos mundo fora, onde umas quantas 'cabeças coroadas' - coroadas por quem? - com os respectivo(a)s consortes, mais os respectivo(a)s amantes e as inevitáveis proles de todo(a)s ele(a)s, legítimas e ilegítimas atrás, mas o fim desta República!

 

Em Portugal, por uma questão de dignidade do Estado - basta que passemos a 'pente fino' o histórico dos vários PR  - e também por uma questão de contenção, que a crise toca (deve tocar) a todos, Belém - ou S. Bento, um deles à escolha - seguramente que não faz falta nenhuma! Se para isso tiver de se alterar a Constituição, pois então façámo-lo, porque pelo menos neste caso, teremos uma razão relevante para o fazer!

Não sou devoto do militarismo americano, mas encontro no seu sistema político muitas coisas boas que teríamos todo o interesse em copiar:

Um Presidente, um Gabinete, um Governo, uma voz institucional a representar o País, ao contrário das constantes escaramuças e dicotomias a que já nos fomos habituando ao longo dos anos, agora amenizadas, dada a mesma cor política de ambos os 'representantes da nossa vontade(?) e uma enorme poupança de meios de toda a espécie - popós, motoristas, segurança pessoal, enormes staff, deslocações a dobrar ao estrangeiro -  na 'representação' da Pátria em todas as iniciativas ou acontecimentos que apenas os próprios consideram ser relevantes.

 

Por mim e se pudesse decidir, copiava já o sistema americano, depurando-o obviamente de alguns defeitos - que também os tem! - mas nada de colocar o Paulo de Sacadura Cabral Portas no lugar da Hillary Diane Rodham Clinton!

 

publicado às 10:44

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D