Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

PORTUGAL E OS NOVOS 'ESCRAVOS'...

Ouvi hoje num dos repetitivos noticiários dos vários canais de TV - ou terei lido algures aqui na Rede, numa qualquer versão online de um qualquer Jornal daqueles que já não precisam de jornalistas para redigir as notícias? - que havia professores no ensino superior a darem aulas a 5€ à hora.

 

Fui apanhado meio distraído já a meio da notícia e pensei que estariam a falar da equipe das limpezas lá da Universidade. Até comentei com a minha consorte "sempre são mais 50 cêntimos do que pagamos à D.ª Fátima" (a senhora que vem cá a casa 6 horas por semana).
 
Mas não!
 
Porque não gosto de ficar com dúvidas, procurei - no Google encontramos (quase) tudo que vai acontecendo no mundo e arredores e acabei por encontrar a notícia - afinal na tal versão online do Correio da Manhã - e não é sobre 'prestação de serviços de limpeza', mas de professores! E refere ainda a mesma, haver professores alegadamente em regime de tempo parcial a auferir 'vencimentos' de 600 € mensais, só que praticando na maioria dos casos, horários completos!
 
Este é pois o País que forma os nossos jovens recorrendo a 'mão de obra escrava'.
Este é um País que afinal oferece oportunidades aos seus melhores: a sopa dos pobres em troca do prazer que lhes proporciona de poderem ensinar os futuros ministros, presidentes da República, magistrados, traficantes de influências, corruptores activos e passivos, boys destinados a alimentar os gabinetes dos governantes.

Afinal e ao contrário do que escreveu aquele jovem enfermeiro, na carta que dirigiu ao 'supremo magistrado' antes de emigrar para Inglaterra, ninguém é obrigado a partir: 5 € à hora (dependendo do número de horas que consigam acumular num mês de trabalho) ou 600 € mensais, estão já um bom bocado acima do salário mínimo nacional, para além de que temos de começar a pôr de lado alguns péssimos hábitos que fomos adquirindo ao longo de anos e anos de 'vacas gordas': comer todos os dias, chegando às vezes ao cúmulo de fazer 3 refeições, viver numa casa 'normal' quando existem tendas de campismo bem confortáveis, usar transportes de e para o trabalho, quando os médicos nos aconselham a caminhar...

Portugal - os seus governantes - tão criticados nos últimos tempos por nos estarem a roubar e a matar à fome, estão afinal preocupados com o nosso bem estar e com a nossa saúde e sobretudo, apostados em nos ajudarem a alterar estilos de vida profundamente errados.
 
Hoje senti-me feliz por ter sido 'tocado pela luz' e ter percebido isso:

Como sempre, inovamos mais uma vez: reintroduzimos a escravatura, mas damos formação superior aos novos escravos para que possam ensinar de forma baratinha os nossos jovens e futuros esclavagistas!
publicado às 21:41

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D