Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

PORTUGAL E OS MIGUÉIS...

Há um coro geral de protestos que tem vindo a aumentar de tom e para o qual existem basicamente (pelo menos) duas grandes motivações:

 

O 'holocausto' da classe média do País e a queda em catadupa de uma série de pequenos e médios negócios que viviam essencialmente do poder de compra que a mesma ainda detinha - comércio de bens alimentares, restauração, turismo interno e venda de casas para habitação, para dar apenas quatro exemplos.


E há menos tempo, a venda do País (leia-se soberania) ao desbarato.


Quando vendemos turismo e outros serviços e bens de consumo, fazemos o que todos fazem: negócios e isso é em princípio bom para quem nos compra e para nós que vendemos, também.


Já quando vendemos soberania, empresas de bandeira como a TAP, a ANA, a RTP, quando alienamos serviços ou fatias significativas de serviços públicos como é o caso do Serviço Nacional de Saúde, a Educação, a Energia, quando aceitamos sem respingar o jugo da 'troika de Filipes' e o seu memorando de entendimento(!)  estamos - está quem o faz - a pedir um novo 1º. de Dezembro e uma nova Restauração. Podem até ter abolido o feriado, que não é por isso que ela deixará de se fazer, quando se tornar inevitável.


Parece que Portugal tem um problema qualquer com os Miguéis detentores de poder. Resta é saber se desta vez, o País terá o mesmo ânimo e patriotismo que teve em 1640 para punir - talvez com um pouco menos de violência -  o traidor Miguel Relvas, que qual Midas ao contrário, tudo aquilo em que toca, vira pechisbeque de banca de feira.


Porque é de crimes de lesa Pátria que falamos e de que a imprensa falada e escrita tem dado nota nos últimos dias!

publicado às 18:23

2 comentários

  • Imagem de perfil

    cneves 19.12.2012

    É isso caro amigo A.da Vicência. O País está a saque e a dignidade é um bem (extremamente) escasso entre os políticos. Vendem-nos o futuro a preço de saldo e depois, passam-se para o lado dos novos senhores para os ajudarem a melhor controlar a 'mão de obra escrava'. Não tardará muito, em vez de emigração livre e aconselhada pelo primeiro ministro, teremos os barcos 'negreiros' para nos conduzirem aos territórios onde os compradores de Portugal considerem que fazemos mais falta.
    Cáfila!
    CN
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    imagem de perfil

    Arquivo

    1. 2019
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2018
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2017
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2016
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2015
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2014
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2013
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2012
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2011
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2010
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2009
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2008
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2007
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2006
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D