Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

JOÃO PAULO BALTAZAR - UM CANDIDATO 'INDEPENDENTE' A VALONGO?

 

Quero começar por dizer que compreendo João Paulo Baltazar!

  

Tal como Berta Cabral - versão 1: "alguém me acha parecida com o Dr. Passos Coelho? Alguém acha que eu tenho um passado que leve as pessoas a pensar que eu sou igual ao Dr. Passos coelho? (...) - AQUI João Paulo Baltazar não se sente bem com a fatiota laranja enfiada.


Vivemos tempos de muita revolta e todas as bandeiras do PSD no poder local, estão a ser recolhidas à pressa, passando os respectivos 'porta-estandartes' à situação de clandestinidade temporária como forma de conterem os danos e evitarem que o voto de protesto que se adivinha, se passe inteirinho para o lado do inimigo...

 

Percebo portanto como já disse, João Paulo Baltazar, por se apresentar com a cara (PSD) tapada, por omitir do curriculum tudo aquilo que o possa ligar à  corrupção triunfante que caracterizou o reinado de Fernando Melo.

 

Faz bem em se apresentar aos valonguenses como se tivesse chegado à Câmara apenas em 2009, depois de uma vida profissional intensa (devido à astronómica dívida acumulada, este resto de mandato de Melo já não pôde por razões óbvias, ser tão 'pornográfico' como os anteriores) e faz bem ainda e sobretudo, em se apresentar como 'independente'!

 

Pena que a Comissão Nacional de Eleições não permita que a clandestinidade se reflicta também nos boletins de voto, mas enfim, do mal o menos e aquilo é só um dia e até pode ser que as pessoas se fixem apenas no seu sorriso aberto não reparando nas 'setinhas' a apontar para o céu...


Além do mais, o PSD até já está habituado a este tipo de jogos de sombra - fê-lo em Alfena em 2009, obrigando os seus militantes a recolherem toda a propaganda já afixada - portanto, não é sequer nada de muito inovador em termos de contra medidas para obviar a males maiores.

 

Claro que estou 'na tanga'!

 

A falta de seriedade que se constata na apresentação de João Paulo Baltazar aos valonguenses - ver recorte abaixo -  é por demais evidente para que nos fiquemos pela simples brincadeira!

 

- Para o bem e para o mal, João Paulo Baltazar tem um passado na Câmara mais corrupta do País, muito anterior a 2009!


- João Paulo Baltazar é além disso, "apenas" o presidente da comissão política concelhia do PSD!


- João Paulo na Câmara e depois de ter assumido a presidência (depois da fuga de Melo...) manteve inalterada a 'árvore genealógica' do dinossauro, e não tocou 'num só cabêlo' dos protegidos do mesmo, cumprindo aliás, uma das ordens expressas que ele deixou e que colocou como condição para se ir embora!

 

Basta portanto de jogos de sombras e de 'brincar às escondidas' com os valonguenses!


Apesar de tudo, o PSD é um grande Partido!

Pese embora o facto de nos terem atirado para cima com Relvas, Bragas Lino e quejandos, o Partido de Francisco Sá Carneiro ainda merece apresentar-se aos eleitores sem esconder a cara!

 

Quem tem medo, compra um cão - ou então, regressa à intensa vida profissional que teve antes de entrar na política.


Eis então - para valonguense ver - o curriculum bem recheado e exaustivo(?) do candidato a futuro presidente da Câmara:


 

 

 

publicado às 13:59

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D