Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

VALONGO - UM CASO DE POLUIÇÃO E INTELECTUAL...

 

Ainda a propósito do novo Regulamento da Publicidade e da norma referente à Propaganda Política:

 

Luísa Oliveira, vereadora do PS, colocou o dedo na ferida (da inconstitucionalidade) desta norma - aliás já suscitada anos atrás pelo próprio PSD - motivando de imediato, a reacção consertada da 'frente comum' agora em exercício:

 

"(...) os pareceres da CNE não são vinculativos e a lembrar que nesse mesmo parecer é referido que os que se sintam lesados podem recorrer aos tribunais."  - Maria José Azevedo dixit: última reunião de Câmara.


É preciso ter uma enorme 'cara de pau' minha senhora, para produzir uma afirmação deste jaez!

 

Mas a provar que era possível ir um pouco mais longe na cretinice, o menor dos vereadores acrescentou:

 

“(...) o que importa é a aplicabilidade da norma. Mesmo que seja inconstitucional, se a norma não for aplicada não existe”.


Ver notícia AQUI


A ver se percebo estas alminhas agora rendidas à atracção fatal da gamela do Orçamento da Câmara mais corrupta do País:

 

1 - Não interessa sabermos se as Leis (ou os Regulamentos) são ou não inconstitucionais - os cidadãos que acharem que o são, podem sempre recorrer aos tribunais para os contestarem;

2 -  O que verdadeiramente importa, é saber se a norma é aplicada -  mesmo que seja inconstitucional, se a norma não for aplicada não existe;


Portanto, caros deputados estúpidos desta Nação valente e sofrida, toca a (continuar) a produzir leis estúpidas! Não se preocupem com o Tribunal Constitucional, com as Comissões Nacionais de Eleições, ou organismos do género!

Trabalhem 24 horas por dia - e se as 24 horas do dia não vos chegarem, trabalhem também à noite - a produzir leis, porque o problema delas fazerem sentido, só faz sentido ser colocado se alguém resolver aplicá-las!

 

E ninguém diz a estas alminhas que o excesso de cretinice pode provocar 'danos ambientais' graves?

 

Para quem tiver tempo e quiser consultar este trabalho de minuciosa análise comparativa feito pelo Dr. João Loureiro Castro Neves, líder do grupo municipal da Coragem de Mudar, deixo  o link AQUI:

publicado às 11:30

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D