Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

CORAGEM DE MUDAR - TRANSPARÊNCIA CONTRA O EMBUSTE E A FALSIDADE

 

Posição da

Associação Coragem de Mudar  (*)

relativamente às próximas eleições autárquicas


1.  A Direcção da Associação Coragem de Mudar está impedida, por deliberação da respectiva Assembleia-Geral ocorrida no dia 16MAR2013, de realizar acordos de carácter eleitoral com quaisquer partidos, imposição que cumprirá escrupulosamente, apesar das legítimas dúvidas que tem sobre a legalidade de tal deliberação. Isso não a impede de comunicar a sua posição sobre o acto eleitoral autárquico que se aproxima.

 

2.  Perante as especulações que circularam e continuam a circular relativas a um propalado acordo da Direcção da Coragem de Mudar com o PS (com a distribuição de lugares elegíveis…), queremos reafirmar que tal acordo nunca existiu, nem houve promessas ou distribuição de lugares elegíveis ou não elegíveis. O que claramente houve foi uma mentira manipulada por gente interessada em desestabilizar candidatos e candidaturas e que, não tendo coragem ou não convindo aos seus interesses imediatos exibir o seu apoio incondicional ao PSD (que sempre disseram combater), inventaram esta forma ínvia de atingir os seus objectivos.

 

3. Face às candidaturas à Câmara de Valongo e aos diversos Órgãos do poder autárquico do nosso Concelho até agora conhecidas, a Direcção da Associação Coragem de Mudar declara que, do seu ponto de vista:

 

a)  É totalmente inviável patrocinar uma candidatura independente, pelo menos abrangendo todos os órgãos autárquicos;

 

b) Todos os associados, bem como os membros dos corpos sociais, possuem total autonomia para, de forma inteiramente livre, integrarem, como independentes ou vinculando-se formalmente, se o acharem mais útil, as listas para quaisquer órgãos das freguesias, da Assembleia Municipal ou da Câmara;

 

4. Por outro lado e em coerência com a sua posição de sempre, a Direcção da Associação Coragem de Mudar assume a responsabilidade de desaconselhar vivamente -- pelas mesmas razões que nos moveram em 2009 e que não se extinguiram, antes pelo contrário, são agora mais vivas do que então, até porque não nos vendemos a ninguém -- a integração de listas apresentadas pelas forças políticas que ao longo dos últimos anos conduziram Valongo à situação de verdadeiro desastre em que se encontra – o PSD e o CDS-PP.

 

5. Por último, a Direcção declara que, mantendo-se a Associação equidistante das diversas candidaturas e portanto afastada da negociação directa com qualquer força política, não deixará no entanto de seguir atentamente a correlação de forças em relação à integração de associados nossos, reservando-se o direito de se pronunciar de forma crítica, sempre que razões de relevo indiciem um posicionamento dos mesmos não consentâneo com aquilo que consideramos ser o nosso valor e a nossa capacidade de ajudar a valorizar qualquer lista de candidatura em benefício das populações do nosso Concelho.

 

Valongo, 25 de Maio de 2013


 

(*)

Coragem de Mudar – uma Associação Cívica fundada em 2009 por Maria José Azevedo, João Loureiro Castro Neves e outros.

A Direcção actual – com algumas alterações pontuais – cumpre o seu segundo mandato desde 2010, altura em que houve uma tentativa de a extinguir por parte dos dois fundadores e actuais vereadores da Câmara – Maria José Azevedo e Pedro Panzina – altura desde a qual se têm mantido à margem quer dos Estatutos, quer do Regulamento Interno apresentados por eles próprios, funcionando na prática e à vários meses a esta parte, como independentes.

A Coragem de Mudar tem actualmente a seguinte representação: 

 

-  Câmara Municipal – 2 vereadores

 

-  Assembleia Municipal – 6 deputados

 

Assembleias de freguesia:

 

-  Alfena          -   2 deputados

 

-  Campo         -   2 deputados

 

-  Ermesinde  -   4 deputados

 

-  Sobrado       -   4 deputados


-  Valongo       -   2 deputados

publicado às 11:25

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D