Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A CÂMARA DE VALONGO E O 'MERCADO DAS CONTRATAÇÕES'...


 

E pronto, agora já é oficial!

 

João Paulo Baltazar estava em dificuldades para encontrar em Valongo gente suficientemente capaz - pelos seus padrões de qualidade -  para integrar a sua lista de candidatura à Câmara.

Melo assentou o seu estilo de governação num vincado culto da personalidade implantando ao mesmo tempo uma cultura sucessória de tipo dinástico, provavelmente a contar com uma 'longevidade' política maior, não conseguindo antecipar aquele momento incómodo em que de repente deixou de gostar de ser presidente antes do tempo certo.

Não houve por isso tempo de mandar aquecer os suplentes que tinha no banco, mesmo assim insuficientes para compor uma lista capaz de apoiar o primogénito em Setembro próximo e lá se foi embora sem preocupações de maior deixando a gestão desse berbicacho para o seu vice.

 

Não tinha este outro remédio que não fosse o de invadir o quintal do autarca vizinho em terras do Lidador, onde lhe disseram que existiria um excelente clínico que tem fama de praticar preços baratinhos, o que cai sempre bem nos tempos que correm em que a saúde está pelas horas da morte - que o digam os cangalheiros do burgo que não têm mãos a medir e os sinos das igrejas que se desgastam como nunca com tanto badalar.


Conhecido por muitos como o  'doutor 24 horas' e por outros, como o 'médico dos pobres', Nogueira dos Santos de seu nome, será portanto o número 2 de João Paulo Baltazar, desconhecendo-se por enquanto se existirá alguma 'cláusula de rescisão' envolvida, uma vez que (ainda) é vereador da Câmara da Maia.


Logo a seguir, ficarão a dr.ª Maria Trindade e o dr. Rogério Palhau, não tendo conseguido reter os nomes dos restantes - mas também não é importante...

 

Temos portanto um presidente devidamente protegido: flanco direito, o médico pessoal, flanco esquerdo o sorriso que desarma os mais afoitos da dr.ª Trindade e como guarda-costas, o homem de leis, para quem as ditas são o que são, isto é, pouco importantes,  porque ele se habituou desde sempre a ser a lei.


O resto, virá por acréscimo...

 

Vai ser engraçado ver como é que os Valonguenses irão reagir em Setembro à junção dos expoentes máximos do paradigma de Valongo com o paradigma de Alfena e eventualmente - porque não conheço o contexto em que se move - do paradigma da Maia.


São paradigmas a mais é certo, mas por enquanto, só os de Valongo e Alfena é que são claramente pouco recomendáveis...


 

PS-1: Acabam de me informar que o meu colega 'opinador' no Jornal Verdadeiro Olhar e licenciado na arte do 'bis coito' vem a seguir na lista... 


PS-2: Marco António Costa, um secretário de Estado com 'tentáculos' bem poderosos e que mesmo por controlo remoto, consegue fazer a 'limpesa de balneário' sem se expor demasiado nem apanhar com os pingos. 

Resta saber como reagirão os dispensados, ou melhor, os preteridos...

 

 

 

publicado às 22:24

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D