Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

JOÃO PAULO BALTAZAR QUE SE CUIDE! ALFENA JÁ MEXE...

 

Afinal, parece que a Câmara de Valongo está menos aflita do que pensávamos e até tem dinheiro para as 'loucuras' do costume...

Pois então e se é assim, também queremos!

 

Loucura 1:

O contrato com a imobiliária Imosá, para a permuta do estádio do Ermesinde com o complexo desportivo dos Montes da Costa, por 300 mil EUR - mais a recuperação do estádio.

 

Ficam algumas dúvidas para esclarecer, nomeadamente:


- Qual a capacidade construtiva que vai ser atribuída ao terreno do referido complexo, quando este for desactivado?

- Porque se fez a avaliação deste espaço numa altura de profunda baixa do imobiliário e sem uma cláusula de salvaguarda que permita corrgir este valor à adata da entrega (em 2015)?

- Quais os parâmetros considerados nas avaliações dos imóveis e por quem foram feitas?

 

Loucura 2

O ajuste directo de 25 mil EUR com a Omnisinal (de Custódio Oliveira, o estratega da campanha da Maria José Azevedo em 2009) para um 'Estudo de Planeamento Estratégico'.

 

(Já tenho ouvido chamar outras coisas à organização de campanhas eleitorais, mas estudo de planeamento estratégico é mesmo uma inovação!).

 

A relevante dúvida consiste em saber como é que um candidato se atreve a adoptar este tipo de comportamentos sem que Tribunal de Contas, Comissão Nacional de Eleições - a quem o assunto já deve ter sido remetido - e também o Povo de Valongo ofendido e lesado com este tipo de promiscuidade, reajam de forma adequada!


Eu acho que todos vão reagir - e o Povo também...

 

Mas por agora, estes dois simples exemplos - sim, porque há mais! - são suficientes para que os alfenenses, as muitas dezenas entre as centenas de visitantes diários deste Blog se organizem para uma acção de protesto junto da Câmara.

Para que aquilo que tem andado a ser prometido a Alfena, uma cidade onde falta quase tudo e também tudo aquilo que a Câmara prometeu e não cumpriu, seja tratada de forma igual a Ermesinde - apesar desta cidade irmã representar 45% dos votos que costumam eleger o presidente da Câmara.

 

- Alfena precisa de passeios novos ou arranjo dos existentes em muitos dos seus arruamentos!

- Alfena precisa de áreas de lazer - o prometido passeio pedonal ao longo do Rio leça, por exemplo!

- Alfena precisa de um pólo de serviços públicos, nomeadamente uma extensão dos serviços camarários!

- Alfena precisa do arranjo e da valorização (adequada) do espaço sob o viaduto da A41!

- Alfena precisa do 'desaparecido' PUCCA (Plano de Urbanização do Centro Cívico de Alfena)!

- Alfena precisa de uma sede condigna e adequada para a Junta de Freguesia!

- Alfena precisa da atenção adequada à área de lazer de S. Lázaro, profundamente degradada!

 

Se para isto for necessário organizar uma 'MANIF' pois que o seja.


(Rogério Palhau referiu isso um dia numa reunião de Junta e se quiser avançar por aí, se calhar até terá muitos dos seus críticos a 'enterrarem o machado de guerra' para o acompanharem).

 

João Paulo Baltazar está a brincar com o Povo e talvez seja tempo de lhe provarmos que não estamos distraídos nem abdicamos do nosso direito à equidade!

 

 

 

 

publicado às 10:52

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D