Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

"UNIDOS POR ALFENA" - uma "foto de família" a editar...

Em abono da verdade, achei que era minha obrigação fazer uma pequena pausa na "COBRANÇA DE PROMESSAS" e na apresentação das respectivas "notas de débito", para escrever este post  e enquanto isso, dar tempo a que os eventuais injustiçados pelos meus escritos anteriores possam "editar" convenientemente a "foto de família" onde aparecem sorridentes e solidários integrando o projecto de poder pessoal do "núcleo duro" dos Unidos por Alfena.

"Diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és"

"Quem não quer ser lobo não lhe veste a pele"

São apenas dois provérbios populares bem conhecidos que poderíamos invocar para justificar este apelo tendo em conta a onda de profunda desilusão com alguma revolta à mistura que se abateu sobre a maioria dos eleitores Alfenenses que nas últimas eleições intercalares de Janeiro deram uma expressiva vitória ao referido projecto.

Aquilo que se dizia "à boca pequena" sobre a promiscuidade entre a acção autárquica e as negociatas à volta da especulação imobiliária envolvendo o tal "núcleo duro" da Junta de Freguesia (a que alguns mais prosaicos denominaram como "bando dos quatro" por ser exactamente esse o seu número) passou a ser a voz corrente em qualquer conversa de café.

Nada que não fosse previsível, dada a preponderância de um dos elementos da Lista, conhecido empresário dos grandes (?) empreendimentos imobiliários da nossa Terra - mais pelos seus aspectos negativos, do que pelos reais benefícios que nos trouxeram...

Ora, como também seria de prever, a Lista dos "independentes" que para além do já referido "núcleo duro" com objectivos e estratégias pessoais bem definidas, incluía também muitas pessoas de bem cujo único objectivo era o de servir a sua Terra, teria mais tarde ou mais cedo de dar sinais de instabilidade...

Por isso é que neste momento, seria interessante - e é um desafio que aqui lanço - que aqueles que não se revêem (e sabemos que não são poucos) na já referida "foto de família" se demarquem - a tempo de podermos fazer a nossa correcta opção de voto no dia 11 de Outubro. É fundamental que não restem dúvidas sobre:

"Quem anda com quem" ou "Quem veste (de facto) a pele do lobo"


PS: Já agora, alguém por aí (na "blogosfera") me pode explicar a razão da presença de "candidatos" não candidatos nos cartazes dos "Unidos"?

publicado às 14:27

2 comentários

  • Imagem de perfil

    cneves 14.09.2009

    Como é óbvio, quem se esconde por detrás do anonimato NUNCA tem razão.
    A critica - que é o que eu faço - só pode ser desmontada com argumentos, que pelos vistos, são aquilo de que neste momento não dispõe.
  • Comentar:

    CorretorMais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    Mais sobre mim

    imagem de perfil

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D
    144. 2009
    145. J
    146. F
    147. M
    148. A
    149. M
    150. J
    151. J
    152. A
    153. S
    154. O
    155. N
    156. D
    157. 2008
    158. J
    159. F
    160. M
    161. A
    162. M
    163. J
    164. J
    165. A
    166. S
    167. O
    168. N
    169. D
    170. 2007
    171. J
    172. F
    173. M
    174. A
    175. M
    176. J
    177. J
    178. A
    179. S
    180. O
    181. N
    182. D
    183. 2006
    184. J
    185. F
    186. M
    187. A
    188. M
    189. J
    190. J
    191. A
    192. S
    193. O
    194. N
    195. D