Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

CÂMARA DE VALONGO - AS PREVARICAÇÕES DO COSTUME...

Contra a vontade dos moradores da Urbanização 'Adão Inácio Lopes' (Junto à rotunda da A41/restaurantes 'D. Garfo'  e 'O Teles') em Alfena, o executivo da Câmara Municipal de Valongo que é detentora de um terreno resultante das cedências legais no âmbito daquela urbanização e destinado nos termos do respectivo Alvará a  'equipamentos públicos', resolveu à sucapa cedê-lo à Associação Moto Clube de Alfena, recusando atender um 'abaixo-assinado' dos moradores pedindo para serem recebidos a fim de exporem as razões da sua discordância em relação a esta cedência.

Não levou ainda em conta quase duas dezenas de 'reclamações fundamentadas' apresentadas atempadamente no Gabinete de Apoio ao Munícipe durante o período de discussão pública - nem sequer emitiu qualquer resposta ainda que negativa em relação às mesmas - e passou o referido terreno de domínio público para privado cedendo-o a seguir ao Moto clube.

Para 'facilitar' o nebuloso processo e obter a aprovação expedita quer da Câmara quer da Assembleia Municipal, escondeu dos vereadores e dos deputados da oposição a discordância clara de todos os moradores bem como os documentos atrás mencionados.

 

* Esteve muito mal o presidente da Câmara, que representando todos os munícipes se esqueceu de um vasto conjunto de alfenenses que vivendo numa zona massacrada pelo atravessamento do seu território pelo então IC24 e agora A41 e onde equipamentos (áreas ajardinadas, parque infantil e outros são 'mordomias' que escasseiam ou simplesmente não existem. Mereceriam claramente (muito) mais atenção da sua parte;

 

* Esteve muito mal também o presidente da Junta de Freguesia de Alfena - a autarquia mais próxima e portanto, aquela que deveria estar mais atenta aos seus fregueses - que privilegiou um grupo de amigos (o Moto clube de Alfena) em desfavor daqueles para os quais o terreno se destinava.

(Importa lembrar que a primeira sugestão apresentada na Câmara, à qual se seguiu o pedido formal do Moto Clube, foi apresentada pelo presidente da Junta de Freguesia);

 

Mas apesar de todas estas lamentáveis atitudes e do estado avançado em que se encontra o projecto da nova sede da referida associação - projecto esse e segundo julgamos saber custeado inclusivamente pela própria Câmara - ainda nada é definitivo:

 

- A oposição começa a movimentar-se exigindo a clarificação desta situação.

 

* A CDU na Assembleia Municipal apresentou na última sessão pública a sua posição sobe a actuação da Câmara e sugere mesmo que esta reveja a cedência e encontre um terreno alternativo (que não prejudique as expectativas do Moto Clube de Alfena - que no fundo é aquela que menos culpa, ou nenhuma mesmo, tem neste nebuloso processo).

ver recortes da Acta da última Assembleia.

Captura de ecrã 2018-09-17, às 14.59.11.png 

Captura de ecrã 2018-09-18, às 00.40.49.png 

Captura de ecrã 2018-09-17, às 14.55.19.png

Captura de ecrã 2018-09-17, às 14.52.30.png

(...)

- Por outro lado, a regularidade na aprovação do projecto da referida obra estará sempre dependente da verificação dos alinhamentos das construções consolidadas no local e de as mesmas estarem devidamente legalizadas, situação que está longe de corresponder à realidade...

 

- Em última instância, o envio de todo o processo - que felizmente está muito bem documentado - para o Ministério Público, poderá conseguir aquilo que o 'poder local democrático' (?) não teve o cuidado de fazer.

 

Poderá mesmo no limite, levar à perda de mandato do Presidente da Câmara.

 

No próximo dia 27 de Setembro tem lugar (em Campo) uma Assembleia Municipal descentralizada onde seguramente este assunto será de novo abordado.

 

Ver recorte seguinte.

Captura de ecrã 2018-09-17, às 14.43.58.png

(...)

______________________

PSAté pode soar ligeiramente a estranho o que vou dizer mas, continuando a ser tecnicamente possível a reversão ou a alteração do processo de cedência  gostaria que, quer o presidente da Câmara quer o presidente da Junta de freguesia de Alfena, 'metessem a mão na consciência' e pensassem no que é mais importante para o interesse comum dos alfenenses - e melhor servirá também os seus respeitáveis interesses políticos no que toca às suas (expectáveis e compreensíveis) ambições futuras...

 

 

 

 

publicado às 14:00

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D