Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

CÂMARA DE VALONGO - CORRUPÇÃO, GESTÃO DANOSA E OUTROS DANOS...

Captura de ecrã 2019-06-24, às 10.33.48.png

 

*  Matam-nos os peixes e os nossos rios...

*  Destroem os nossos ecossistemas...

*  Atentam contra a Saúde Pública...

*  E ainda temos de lhes pagar por isso?

* Devolvam-nos a parte C-R-I-M-I-N-O-S-A  que nos têm cobrado na factura da água!

 

Captura de ecrã 2019-06-24, às 02.03.31.png

(...) o megaprocesso de corrupção em curso com o alto patrocínio de José Manuel Ribeiro, presidente da Câmara de Valongo (...)

(...) o actual presidente aprimorou a corrupção que dizem existir na Câmara de Valongo, protegeu os seus agentes mais conhecidos e rapidamente assumiu como sua a estratégia de um jogo que ja estava a ser jogado (...)

(Extractos da acusação no Acórdão da Relação do Porto - que pode ser lido   neste link  - e em que fui totalmente ilibado nas duas acções de difamação agravada interpostas pelo presidente e pela Câmara)

___________________________________________

Tal como como fui reafirmando ao longo das 7 sessões de Julgamento na primeira instância mantenho até agora a afirmação de que José Manuel Ribeiro, presidente da Câmara de Valongo (apenas) aprimorou a corrupção que dizem existir na Câmara de Valongo, continuando até ao presente a proteger os seus agentes mais conhecidos.

Na mesma linha, mantém inalterada a estratégia que assumiu como sua, num jogo que já estava a ser jogado (...)

 

E não apenas em relação aos casos de que muito se falou no 'julgamento do século' - porque o jogo afinal (ainda) não terminou...

 

Captura de ecrã 2019-06-24, às 01.49.43.png

Mas vamos então a exemplos - um por agora...

E ele é provavelmente, dos muitos de que se fala ou simplesmente se murmura, o mais ruinoso para os interesses do Município e dos seus munícipes.

Falo evidentemente da concessão da água e do  saneamento cuja concessionária é a BeWater.

 

Mão amiga fez-me chegar o conjunto de documentos que publico abaixo com algumas 'notas e anexos' que remetem para documentos oficiais da Câmara que - deliberadamente? - são mantidos escondidos/camuflados na 'floresta' imensa de informação irrelevante, repetitiva e panfletária que ninguém lê.

 

Em Valongo, existe desde 2005 um gravíssimo crime ambiental - sobretudo em Campo e Sobrado, mas não só - e em que a Câmara - executivos anteriores e actual - são os principais e se calhar únicos responsáveis

 

A BeWater não serve os interesses do Município e desde há muito que a concessão que detém e que nos amarra à desgraça deveria ter sido resgatada.

 

A oposição - a de esquerda porque compreensivelmente o PSD não pode fazê-lo, dado que foi pelas suas mãos que a Veolia (antecessora do BeWater) cá chegou - reclama o resgate deste contrato ruinoso mas José Manuel Ribeiro continua a acenar desde 2013, o ano em que chegou ao poder,  com o 'papão' de um 'pesado processo litigioso'.

 

Os rios Ferreira e  Leça 'gritam' há anos "a'qui del rei" sem que ninguém lhes acuda...

 

Bem... devo dizer em abono da verdade que os gravíssimos constrangimentos de que padecem as actuais ETAR's e a falácia em que nos fazem acreditar sobre o tratamento de águas residuais em Valongo, são da inteira responsabilidade da Câmara e deste presidente e não da concessionária, o que torna toda a situação ainda mais revoltante uma vez que os cidadãos costumam eleger os autarcas para fazer o contrário de tudo o que nesta área tem sido feito em Valongo!

 

(Este sábado a meio da tarde e em pleno recinto da Igreja da Senhora da Paz em Alfena, tive a oportunidade de confirmar a forma como o "tratamento" das águas residuais é feito em Valongo: o 'cheirinho agradável' que emanava do razoável curso de água da ribeira de Cabeda não deixava dúvidas a ninguém! A sorte dos devotos que enchiam a igreja na habitual missa vespertina é que o caudal ainda vai um pouco acima do habitual e a... merda, porque não dizê-lo? mais diluída no volume de água não cheirava de forma tão intensa)...

 

Será que José Manuel Ribeiro está de boa fé e a defender os interesses do Município quando fala nesses custos?

Será que o engenheiro Sobral Pires - vice-presidente no mandato anterior e que integrava a Comissão de acompanhamento do contrato - defendeu os interesses dos valonguenses quando negociou os aditamentos que então foram feitos e que José Manuel Ribeiro defendeu - mesmo contra a opinião da Entidade Reguladora?

 

Será que o acordo com a BeWater e os moldes em que funciona não fará também ele parte integrante "do tal jogo que já estava a ser jogado"?

 

Autarcas existem por esse País fora que tendo sido 'amarrados' a contratos ruinosos como o de Valongo, têm encontrado coragem para lhes pôr fim.

 

Captura de ecrã 2019-06-23, às 01.39.11.png

Foi assim recentemente em Mafra  - ver aqui...

Já aqui em Valongo, falar sequer nessa hipótese é assunto 'tabu'...

 

Será que essa inibição(?) tem alguma coisa a ver com o facto de a BeWater ser um parceiro importante na promoção das iniciativas panfletárias do presidente da Câmara?

 

O conjunto de documentos que se seguem é extenso mas não podia ser de outra forma. Não tenho a expectativa de que muita gente tenha a pachorra de os percorrer ao detalhe mas acreditem, o assunto é mesmo relevante!

 

Apelo aos mais corajosos para que me ajudem a perceber um pouco melhor os detalhes do 'jogo que ainda decorre', com vistas a uma eventual denúncia - mais uma - por corrupção e/ou favorecimento ilícito e/ou gestão danosa.

 

Captura de ecrã 2019-06-24, às 01.29.23.png

- Os Rios Ferreira e Leça andam há tempo demais a sofrer as descargas criminosas neles lançadas sem qualquer tratamento, sendo que na factura que nos é apresentada esse tratamento é cobrado! Se nos matam os peixes e nos destroem os ecossistemas, porque raio é que ainda temos de lhes pagar pela irresponsável e criminosa negligência? 

- A Câmara anda há demasiados anos a pactuar de forma criminosa com esta situação e a permitir a acumulação do enorme passivo ambiental que todos podemos constatar.

*  Matam-nos os peixes e os nossos rios...

*  Destroem os nossos ecossistemas...

*  Atentam contra a Saúde Pública...

*  E ainda temos de lhes pagar por isso?

* Devolvam-nos a parte C-R-I-M-I-N-O-S-A  que nos têm cobrado na factura da água!

____________

CMV_BeWater_1.jpeg

CMV_BeWater_2.jpeg

CMV_BeWater_3.jpeg

CMV_BeWater_4.jpeg

CMV_BeWater_5.jpeg

CMV_BeWater_6.jpeg

CMV_BeWater_7.jpeg

CMV_BeWater_8.jpeg

CMV_BeWater_9.jpeg

CMV_BeWater_10.jpeg

CMV_BeWater_11.jpeg

CMV_BeWater_12.jpeg

CMV_BeWater_13.jpeg

CMV_BeWater_14.jpeg

CMV_BeWater_15.jpeg

CMV_BeWater_16.jpeg

CMV_BeWater_17.jpeg

CMV_BeWater_18.jpeg

CMV_BeWater_19 1.jpeg

Notas e anexos:

(Copiar a ligação e colar na barra do navegador)

 

http://www.ersar.pt/pt/site-comunicacao/site-noticias/documents/ct5-trataguasresiduais.pdf

https://www.apambiente.pt/_zdata/Divulgacao/Publicacoes/Guias%20e%20Manuais/guia_ETAR_final.pdf

https://digitalis-dsp.uc.pt/bitstream/10316.2/34892/1/91.pdf?ln=pt-pt

https://www.cmjornal.pt/portugal/cidades/detalhe/obra-de-ampliacao-e-remodelacao-da-etar-de-campo-jaarrancou

https://www.cm-valongo.pt/pages/421?folders_list_39_folder_id=222

https://www.cm-valongo.pt/pages/421?folders_list_39_folder_id=221

 

 

CMV_BeWater_x 1.jpeg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

publicado às 23:28

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D