Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

"DIZ-ME COM QUEM ANDAS..."

Recivalongo_aterro-em-Sobrado-10.jpg

Declaração prévia:

O compromisso da Candidatura que integro e do candidato a Presidente da Câmara de Valongo, Armindo Ramalho, é, se formos eleitos para governar, iniciarmos todos os procedimentos legais com vistas ao encerramento do aterro de Sobrado.

 

Posto isto e porque, aqui pelo nosso Concelho pelo menos,  este é um tempo de campanha eleitoral impura e dura, importa colocar no devido lugar alguns conhecidos figurões que por aí ‘ziguezagueiam’ a tentar passar pelos pingos da chuva - “não fui eu, foi ele”, dizem eles sempre que a coisa começa a correr mal para o seu lado...

Aqui vai por isso um pequeno lembrete para os eleitores valonguenses sobre o assunto Aterro de Sobrado.

O ‘link’ que se segue refere-se a uma exposição enviada pela RETRIA (dona do aterro de Sobrado) aos deputados do Parlamento:

https://documentcloud.adobe.com/link/review?uri=urn:aaid:scds:US:04bdc63c-cbb9-49f7-96b8-e166f20c8ec3

Destaco em especial  os  2 recortes seguintes:

Captura de ecrã 2021-09-06, às 16.15.42.png_________________________________________________________________________________

Captura de ecrã 2021-09-06, às 16.17.21.png

__________________________________________________________________________________

E não é que, lamentavelmente, a exposição da RETRIA, a empresa que a população de Valongo, especialmente os habitantes de Sobrado querem ver banida do seu território, parece conter algumas ‘verdades como punhos’ que, não fossem o nosso ‘imperfeito prefeito’ e o PS de Valongo completamente destituídos de... - vergonha é o único termo que me ocorre – e esta candidatura estaria seguramente já completamente diluída no éter (não ver aqui nenhuma analogia com a chamada ‘operação eter’, um processo de corrupção ainda em fase de investigação e no qual, os actual e anterior presidentes da Câmara são arguidos).

Já agora, junto aos dois itens anteriores, um terceiro que a RETRIA curiosamente não invoca na sua exposição e que pode ser encontrado nesta publicação do meu Blog em 2018, sobre o mesmo assunto e várias vezes referida em reuniões públicas de Câmara e também numa sessão da Assembleia Municipal – ver ‘link que se segue

 

https://a-terra-como-limite.blogs.sapo.pt/alerta-sobrado-camara-fez-ajuste-606594

Retria_Ajuste directo_Retria.png

(desculpas pela fraca definição do recorte do 'ajuste directo)

Assustado pelas reacções então suscitadas, o responsável (o actual re-candidato) pelo tal ajuste directo com a RETRIA em 2018 e cujo  ‘link’ para o Portal BASE.gov que coloco no meu Blog já não funciona lá foi esconder à pressa no 'armário dos esqueletos' o tal contrato...

Portanto...

  • O Povo de Valongo, a população de Sobrado em especial, têm toda a razão para exigirem o encerramento da actividade da RETRIA no nosso Concelho;
  • O candidato do PSD pode até estar de boa fé ao dizer que defende a mesma coisa mas não se pode livrar do registo histórico que liga as suas cores a este lamentável negócio dos lixos;
  • O ainda presidente e actual candidato do PS, esse e por muito contorcionismo que faça, por muito que tente colar-se à justa luta dos sobradenses em torno da sua Causa Maior (ou Jornada Principal), nunca poderá livrar-se das tais verdades como punhos;
  • Até 2017 nunca fez ondas com a RETRIA (recorte 1);
  • Andou durante anos a pedir à mesma, apoios financeiros para as iniciativas promovidas pela Câmara (recorte 2);
  • E, ‘cereja no topo do bolo’ em 28-03-2018 fez um ajuste directo com esta empresa indesejada no nosso Concelho há muitos anos, no valor de 74.000 € e por um período de 1.095 dias para ali depositar resíduos;

O resto, é puro e lamentável ‘passa-culpas’ de quem não consegue explicar o que por natureza é inexplicável.

Já agora, e porque não é minha intenção colocar em pé de igualdade (na culpa) todos os candidatos do PS, a verdade é que depois deste meu amigável ‘lembrete’ a conhecida frase popular (“diz-me com quem andas, dir-te-ei quem és”) deve – deveria - representar para alguns, para a maioria, ou até para a totalidade dos que se juntam ao nome do ‘cabeça de lista’, um sério aviso!

É que se não sabiam, então agora já sabem...

 

publicado às 19:11

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2016
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2015
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2014
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2013
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2012
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2011
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2010
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2009
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2008
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2007
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D
  196. 2006
  197. J
  198. F
  199. M
  200. A
  201. M
  202. J
  203. J
  204. A
  205. S
  206. O
  207. N
  208. D