Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

EMPRESÁRIOS "INDIGENTES" MAS BEM SUCEDIDOS...

images.jpg

 

Recorrendo à analogia de uns certos comentadores desportivos de um certo canal de TV - 'o topo e o fundo' a única conclusão que podemos retirar do elogio amigo, entusiástico mesmo, do lamentável primeiro-ministro deste Portugal desbaratado, feito em Aguiar da Beira  ao "empresário bem sucedido" - e de que maneira! - Dias Loureiro - AQUI - é que o 'fundo' de Passos Coelho, se não tinha sido ainda atingido, foi-o agora seguramente!

 

- O "empresário bem sucedido" roubou este País e os portugueses - em co-autoria - com outros 'assaltantes' bem conhecidos da nossa praça. alguns ainda a contas com a Justiça.

- O "empresário bem sucedido" era Conselheiro de Estado e nem o facto de ser um bom amigo do mais inútil de todos os Presidentes da República o conseguiu salvar de ser demitido do cargo.

- O "empresário bem sucedido" afinal é um simples e modesto indigente, sem nenhum bem em seu nome e, quem sabe, a dormir nalgum vão de escada em Aguiar da Beira - ver AQUI.

 

Mas perante o dislate do primeiro-ministro o que é que vemos?

 

Os líderes da oposição a saírem a terreiro para denunciarem esta verdadeira "declaração de interesses" de Pedro Passos Coelho? Nada disso! 

Talvez porque todos tenham no seu rol de amigos idênticos "empresários bem sucedidos"...

Talvez porque a política em Portugal já há muito que atingiu o seu "grau zero" e descer mais já não é mais possível...

 

António Costa diz que quer ser o próximo primeiro-ministro e até acrescenta que quer governar com maioria absoluta.

 

Das duas uma:

 

Ou António Costa nos diz rapidamente e em tempo útil que é diferente do homem da Tecnoforma e outras manigâncias bem conhecidas e que é amigo de "empresários bem sucedidos" e de "vice primeiros-ministros bem sucedidos" como Paulo Portas, especializado em decisões irrevogáveis e navegação subaquática, ou então, por dedução inevitável e lógica, prova que é igual a esta espécie de gente que nos governa - que por sinal, não é melhor nem pior que a que nos governou anteriormente.

 

Está avisado!

 

 

 

publicado às 10:55

Comentar:

CorretorMais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D