Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

"O MEU PDM LAVA MELHOR QUE O TEU" - O DE VALONGO É COMO O 'OMO'...

É fácil desmontar os 'argumentos' de quem não tem argumentos!

Isso mesmo ficou provado hoje ao longo da sessão pública 'desalinhada' sobre o PDM de Valongo que teve lugar no Centro Cultural de Alfena e que contou com o inestimável contributo do Dr. Paulo Morais da Transparência e Integridade.

 

Diz-nos a Câmara pela voz do seu presidente, que "o investimento é importante, que Valongo precisa de criar postos de trabalho, que a vinda da Jerónimo Martins para o nosso Concelho tem que ser garantida a todo o custo..." - tudo isto para justificar - e para pegar apenas neste exemplo - a legalização daqueles terrenos todos, que foram comprados por 4 milhões e vendidos uns minutos depois por 20 - milhões também - na Fonte da Prata em Alfena...

 

Portanto, o PDM propõe-se mais uma vez, ser como aquele detergente muito conhecido que "lava mais branco"...

 

O Dr. Paulo Morais com a forma peculiar e cuidadosamente estruturada que o caracteriza, 'ensinou' ao Dr. José Manuel Ribeiro - que esteve presente na sessão e que até pediu ao vice-presidente da Transparência e Integridade para o "ajudar a perceber se existem outras saídas" - que a única alternativa compatível com a Lei e que defende o interesse público da autarquia e dos valonguenses, só pode ser - e a Jerónimo Martins ainda lhe ficaria grata por isso - a declaração do interesse público dos investimentos previstos, a expropriação dos terrenos pelo seu valor inicial (4 milhões) e vendê-los ao investidor por um preço justo, revertendo as mais-valias a favor dos cofres municipais, obviamente!

 

Se o presidente da Câmara quiser mesmo seguir o conselho do Dr. Paulo Morais, então só tem de aceitar o desafio que lhe faço e que anunciei no decorrer da sessão que iria promover a curto prazo: 

A convocação de uma Assembleia Municipal extraordinária para discutir o assunto, a prorrogação do período de discussão pública do PDM por um período de tempo que permita à sua equipa de advogados fundamentar um acção de expropriação por interesse público e finalmente, avançar sem medo!

Tudo o que está feito nos terrenos da Fonte da Prata é ilegal e o Santander e a Novimovest não vão correr o risco de inundar os Tribunais com aquela coisa mal cheirosa que nós sabemos que está por detrás daquele negócio do Jaime Resende... 

 

publicado às 02:28

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2007
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2006
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D