Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

VERDADE (QUASE) ABSOLUTA - MESMO EM ALFENA: "SE TOCAS NO QUE ESTÁ SUJO, SUJAS-TE"...

Captura de ecrã 2015-12-9, às 21.57.34.png

 

José Manuel Ribeiro, presidente da Câmara de Valongo, convidou-me (e a mais uma data de gente) para participar no lançamento da 'primeira pedra' da plataforma logística da Jerónimo Martins em Alfena - recorte anexo.

 

Não tenho nada de especialmente relevante contra o 'merceeiro-mor' do País, Alexandre Soares dos Santos e sucessores, ou grupo Jerónimo Martins, ou Pingo Doce - de facto, não tenho mesmo nada contra, nem relevante nem sem o ser. Mas tenho muito de especialmente crítico a apontar contra o chamado chamado 'garimpo de Alfena' uma vasta área até há pouco REN/RAN de 542.368,00 m2 de especulação, de atentados ambientais, de corrupção mais que provável, de sei lá o quê mais, onde calhou a Alexandre Soares dos Santos implantar o negócio que enche de orgulho o 'prefeito' de Valongo.

 

E por outro lado, tenho um 'medo-pânico' de apanhar uma doença qualquer se arriscar pôr as botas - as botas e a minha pessoa sobre as mesmas - naquela área mais negra que o negro crude de que se extrai o combustível que me catapultaria até lá acima: apesar da sua aparência xistosa ela está mais contaminada que tampo de sanita de lavabo público e não é terreno que se recomende a um amigo calcorrear sem uma boa descontaminação prévia. 

 

Declino portanto o simpático (?) convite. Talvez lá mais para diante, quando a Jerónimo Martins tiver concluído o empreendimento, delimitado devidamente o perímetro e obviamente, tiver procedido a uma rigorosa 'descontaminação' de toda a área destacada - 'descontaminação' que deverá ser devidamente demonstrada.

Captura de ecrã 2015-12-10, às 00.07.47.png

Créditos da foto: Jornal Verdadeiro Olhar 

 

Já agora e porque o assunto é conexo, pelas informações que se podem extrair do último relatório de contas da NOVIMOVEST (Junho de 2015) publicado no site da CMVM, o 'garimpo' ainda ficará com uma área para 'escavação' de 237.323,00 m2 no valor de 4,65 milhões de Euros.

 

Ou seja, menos de metade da área de 2007 - descontados os destaques destinados à CHRONOPOST e Jerónimo Martins, cujo valor de transacção se desconhece - valia em Junho passado mais do que o valor inicial de aquisição.
Assim vale a pena investir em Alfena, uma terra onde felizmente não existe corrupção e onde o xisto vira ouro com o chamado 'toque de Midas' tão característico de alguns autarcas suburbianos.

 

Um dia destes irei entregar no Ministério Público um extenso dossier com cerca de 200 páginas de texto e documentos diversos - para que este, se achar por conveniente, investigue se algumas formas de "assobiar para o ar" serão (apenas) um simples, humano e desculpável defeito...

 

 

publicado às 00:17

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D