Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

A TERRA COMO LIMITE...

UM ESPAÇO ONDE ESCREVEREI SOBRE TUDO, SOBRETUDO, SOBRE TUDO QUE SEJA CAPAZ DE CAPTAR A MINHA ATENÇÃO. UM ESPAÇO ONDE O LIMITE NÃO LIMITA - APENAS DELIMITA.

VERDADE (QUASE) ABSOLUTA - MESMO EM ALFENA: "SE TOCAS NO QUE ESTÁ SUJO, SUJAS-TE"...

Captura de ecrã 2015-12-9, às 21.57.34.png

 

José Manuel Ribeiro, presidente da Câmara de Valongo, convidou-me (e a mais uma data de gente) para participar no lançamento da 'primeira pedra' da plataforma logística da Jerónimo Martins em Alfena - recorte anexo.

 

Não tenho nada de especialmente relevante contra o 'merceeiro-mor' do País, Alexandre Soares dos Santos e sucessores, ou grupo Jerónimo Martins, ou Pingo Doce - de facto, não tenho mesmo nada contra, nem relevante nem sem o ser. Mas tenho muito de especialmente crítico a apontar contra o chamado chamado 'garimpo de Alfena' uma vasta área até há pouco REN/RAN de 542.368,00 m2 de especulação, de atentados ambientais, de corrupção mais que provável, de sei lá o quê mais, onde calhou a Alexandre Soares dos Santos implantar o negócio que enche de orgulho o 'prefeito' de Valongo.

 

E por outro lado, tenho um 'medo-pânico' de apanhar uma doença qualquer se arriscar pôr as botas - as botas e a minha pessoa sobre as mesmas - naquela área mais negra que o negro crude de que se extrai o combustível que me catapultaria até lá acima: apesar da sua aparência xistosa ela está mais contaminada que tampo de sanita de lavabo público e não é terreno que se recomende a um amigo calcorrear sem uma boa descontaminação prévia. 

 

Declino portanto o simpático (?) convite. Talvez lá mais para diante, quando a Jerónimo Martins tiver concluído o empreendimento, delimitado devidamente o perímetro e obviamente, tiver procedido a uma rigorosa 'descontaminação' de toda a área destacada - 'descontaminação' que deverá ser devidamente demonstrada.

Captura de ecrã 2015-12-10, às 00.07.47.png

Créditos da foto: Jornal Verdadeiro Olhar 

 

Já agora e porque o assunto é conexo, pelas informações que se podem extrair do último relatório de contas da NOVIMOVEST (Junho de 2015) publicado no site da CMVM, o 'garimpo' ainda ficará com uma área para 'escavação' de 237.323,00 m2 no valor de 4,65 milhões de Euros.

 

Ou seja, menos de metade da área de 2007 - descontados os destaques destinados à CHRONOPOST e Jerónimo Martins, cujo valor de transacção se desconhece - valia em Junho passado mais do que o valor inicial de aquisição.
Assim vale a pena investir em Alfena, uma terra onde felizmente não existe corrupção e onde o xisto vira ouro com o chamado 'toque de Midas' tão característico de alguns autarcas suburbianos.

 

Um dia destes irei entregar no Ministério Público um extenso dossier com cerca de 200 páginas de texto e documentos diversos - para que este, se achar por conveniente, investigue se algumas formas de "assobiar para o ar" serão (apenas) um simples, humano e desculpável defeito...

 

 

publicado às 00:17

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D